Quarta, 19 de Junho de 2024
(74) 9 9910-1010
Política STF

Fux autoriza inquérito contra Nikolas Ferreira por chamar Lula de 'ladrão' em evento da ONU

Ministro do STF atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República

11/04/2024 17h27
Por: Redação
Deputado Federal Nikolas Ferreira (PL-MG) — Foto: Pablo Valadares / Câmara dos Deputados
Deputado Federal Nikolas Ferreira (PL-MG) — Foto: Pablo Valadares / Câmara dos Deputados

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a abertura de inquérito para apurar se o deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) cometeu crime contra a honra do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

A decisão de Fux é desta quarta-feira e atende a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Durante discurso na Cúpula Transatlântica, evento da ONU realizado em novembro de 2023, o parlamentar chamou o atual presidente de “ladrão”. No discurso, Nikolas se referiu ao presidente como “um ladrão que deveria estar na prisão”.

De acordo com o Código Penal, quando suposto crime de injúria é cometido contra o presidente da República, cabe ao ministério da Justiça solicitar a apuração. O pedido foi encaminhado no início de janeiro ao diretor-geral da Polícia Federal, Andrei Rodrigues, por Ricardo Cappelli, que atuava como secretário-executivo da pasta.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.