Irecê |

Testemunha de Jeová morre após o parto ao recusar transfusão de sangue

Testemunha de Jeová morre após o parto ao recusar transfusão de sangue

A morte de uma jovem gerou grande repercussão após detalhes da situação serem divulgados.

Eloíse Dupuis foi até o hospital pois havia chegado a hora de dar a luz ao seu primeiro filho.

De acordo com o portal Jornal do Quebec, durante o trabalho de parto, surgiram algumas complicações e uma hemorragia foi detectada pela equipe médica.

A solução para o problema era uma medida relativamente comum para esses casos: receber uma transfusão de sangue.

Testemunha de Jeová morre. No entanto, a situação não correu bem. Ainda de acordo com o portal, Elóise se recusou a passar pelo procedimento pois era Testemunha de Jeová e suas crenças não permitiam que fizesse a transfusão.

O filho de Eloíse veio ao mundo, mas dias depois de realizar o sonho de ser mãe, a jovem de 27 anos faleceu por complicações do seu quadro e por não ter recusar receber a transfusão. A equipe médica preferiu não comentar sobre o episódio por uma questão de ética.

O caso causou muito impacto nas mídias locais e nas redes sociais, dividindo opiniões. Em comentários na internet algumas pessoas se perguntaram:” Seria essa a vontade de Deus?”. Outras simplesmente lamentaram o ocorrido.A história se passou em Lévis, no Canadá. 

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.