Política

Governo quer acabar com a obrigatoriedade das tomadas de 3 pinos

Governo quer acabar com a obrigatoriedade das tomadas de 3 pinos

Jair Bolsonaro agora quer acabar com as tomadas de três pinos. De acordo com o Valor Econômico, o presidente da República estuda uma ação que revoga a obrigatoriedade do padrão de tomada, que está em vigor desde 2011.

Assessores contatados pelo Valor defendem que a "sociedade brasileira rejeitou a tomada de três pinos", e que a revogação da obrigatoriedade não é "só um tema técnico, é um tema que afeta a segurança, a concorrência e a produtividade."

Apesar da ideia de cancelar a obrigatoriedade por parte de membros do governo, técnicos criticam a ideia de retornar ao modelo antigo - servidores acreditam que não há necessidade de realizar mais uma substituição de plugues e tomadas pelo país, ainda mais considerando que o modelo de três pinos é considerado seguro.

A tomada de três pinos se tornou obrigatória em produtos vendidos no país em 2011, mas o padrão já vinha sendo estudado há anos. Até então, não havia uma padronização, o que fazia com que diversos tipos diferentes de tomadas fossem encontrados pelo Brasil, o que poderia causar problemas de segurança para usuários e também para a rede elétrica.

A padronização, portanto, visava garantir mais segurança a usuários. As normas do INMETRO sobre as tomadas não padronizam apenas a quantidade de pinos, como também outras características - elas são "afundadas" para ajudar a evitar acidentes, por exemplo. Apesar disso, são constantes as queixas de usuários com relação ao novo padrão.

Fonte: OLHAR DIGITAL

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.