Região |

Filho do cantor Cristiano Neves morre em acidente

Os fãs do cantor Cristiano Neves, na região de Irecê, estão abalados com a notícia da morte do filho do cantor. Adhemir Teixeira Neves acompanhava o pai em uma maratona de shows pelo Nordeste e saiu do estado cearense para São Paulo em seu micro-ônibus. De acordo com o site “Meio Norte”, que noticiou o caso nas primeiras horas após o acidente, o motorista foi surpreendido por uma mal tempo, por volta das 6h30 desta terça-feira, 30, e perdeu a direção na “rodovia da morte”, como é conhecido o trecho em que trafegava quando ocorreu o acidente, na comunidade de Santa Marta, próximo ao município Corrente (PI). O tecladista da banda, Alessandro Nogueira de Santana, informou que haviam nove pessoas no micro-ônibus. Ele, Cristiano Neves e outros integrantes foram socorridos por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Corrente, e estão internados no Hospital Regional João Pacheco Cavalcanti. O cantor sofreu apenas escoriações leves, porém estava psicologicamente abalado pela morte do filho. “Não deixem meu filho morrer”, pedia ele no momento do socorro. O tecladista ainda informou que o motorista do micro-ônibus perdeu o controle da direção devido a pista está molhada com as chuvas. CRISTIANO NEVES - Nascido em Alto da Vereda, comunidade localizada na divisa dos município de Ibipeba/Canarana e Barro Alto, na região de Irecê, BA, Cristiano Neves trabalhou com seus pais na lavoura, durante sua infância. Começou a cantar aos 8 anos e desde os 10 anos, canta músicas do cantor e compositor Amado Batista. Inicialmente com o objetivo de mostrar aos amigos que tinha talento, com o intuito de se projetar na profissão de músico. Teve seu primeiro disco gravado em 2002, pela gravadora Gema. No CD, além de algumas músicas de sua autoria, também interpreta as canções do Amado Batista que são elas "Quando o Sol Brilha na Manhã" e "Última Lembrança".

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.