Saúde

Empresário da região de Irecê morre com suspeita de H1N1

Conhecido por "Ricão", o empresário estava internado em um hospital de Salvador
Foto: Reprodução/Internet

Um empresário da região de Irecê morreu neste domingo (1), em Salvador, por suspeita de ter contraído a gripe H1N1.



 



Cláudio Oliveira de Souza, conhecido por “Ricão”, 53 anos, estava internado há cerca de duas semanas em um hospital da capital, que até o momento não divulgou informações oficiais sobre o caso.



 



Ricão tinha um empreendimento na cidade de Salobro e era bastante conhecido em toda a região. Ainda não há informações sobre onde o corpo será velado e sobre o sepultamento.



 



Caso a morte do empresário por H1N1 seja confirmada, o número de óbitos relacionados à gripe no estado passa para sete. Em abril deste ano, a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), confirmou uma morte  pela gripe no município de Ibipeba. (Irecê Repórter)



 


Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.