Decreto que proíbe aglomerações vale também para atividades eleitorais, reclama Rui

Decreto que proíbe aglomerações vale também para atividades eleitorais, reclama Rui

Em transmissão ao vivo realizada através das redes sociais, o governador Rui Costa (PT) criticou as aglomerações de pessoas em atos políticos no estado e afirmou que o decreto que estadual vale também para as atividades políticas e eleitorais.

“Conversei com o prefeito de Salvador [ACM Neto] nesta semana. Vou conversar com a UPB e vou procurar a Justiça Eleitoral, o Ministério Público Estadual e o Ministério Público Federal, para conversar e pactuar procedimentos para a eleição” disse o governador.

 “Quem regula o modus operandi da eleição é a Justiça Eleitoral, mas, em função da pandemia, nós precisamos conversar, porque o decreto de aglomeração vale para todas as atividades, inclusive para atividades eleitorais. Vou procurar, para alinhar um normativo. Mas o decreto continua valendo, de proibição das aglomerações”, afirmou Rui.

 Nas últimas semanas, imagens de atos de pré-campanha eleitoral têm circulado nas redes sociais, mostrando aglomerações de pessoas em plena pandemia da Covid-19.

Fonte: BAHIA NOTÍCIAS

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.