Polícia

Brigas entre facções e questão passional motivaram homicídio em Irecê, diz polícia

Projétil transfixou cabeça da vítima e atingiu adolescente. Os dois estavam a bordo de uma moto e se preparavam para participar de evento político
Gusto foi morto com um tiro na cabeça

Gustavo de Souza Sena, 19 anos, foi morto a tiros na noite deste sábado (19), em Irecê. O crime ocorreu por volta das 18h, no bairro Lagoa do Tió, próximo ao Posto de Saúde.

Larissa da Silva Barbosa, 16 anos, que estava com Gustavo a bordo de uma moto no momento do crime, também foi atingida. Uma perícia concluiu que o tiro que atingiu a adolescente foi o projétil que transfixou a cabeça de Gustavo. Ela foi encaminhada ao hospital e não há informações sobre seu estado de saúde.

Segundo a polícia, o homicídio teria sido motivado por brigas em facções e por questão passional.

Gustavo e Larissa se preparavam para participar de um evento político na cidade, relata o Boletim Policial, assinado pelo delegado Ernandes Júnior.

"Gustavo era apontado como principal suspeito de dois homicídios ocorridos recentemente em Irecê", finaliza o relatório.

O autor do crime não havia sido preso até o momento desta publicação. 

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.