Bahia |

Associação convoca poder público e população para reunião sobre a dívida social dos atingidos pela barragem de Sobradinho

Reunião ocorrerá na segunda-feira (22), no plenário da Câmara Municipal de Sento Sé, Bahia, às 10:00 hs.
Associação convoca poder público e população para reunião sobre a dívida social dos atingidos pela barragem de Sobradinho

A Associação dos Moradores dos Povoados Atingidos pela Barragem de Sobradinho (AMOPOABS), convoca o Poder Legislativo e Executivo e toda população das cidades de Sento Sé, Itaguaçu, Xique-Xique, Remanso, Pilão Arcado, Casa Nova, e Sobradinho para uma reunião pública sobre a dívida social dos atingidos pela barragem de Sobradinho, que acontecerá na próxima segunda-feira(22), no plenário da Câmara Municipal de Sento Sé, Bahia, às 10:00 hs.

Nessa reunião será apresentado um diagnóstico conseguido através de uma pesquisa feita pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) com 10 mil famílias nas cidades atingidas. Essa pesquisa foi realizada através de um aplicativo que gerou um diagnóstico sobre as condições sociais das famílias que tiveram que deixar suas regiões nativas para a chegada da barragem.

Condições de Calamidade

O resultado dessa pesquisa constatou que atualmente essas famílias vivem em condições de maior calamidade, em um comparativo feito dobre o antes e o depois da construção da barragem. Essas famílias não receberam nenhuma assistência durante esses 40 anos, e é com o objetivo de mudar essa realidade que a AMOPOABS vem lutando para que essa dívida social seja quitada dentro dos parâmetros da justiça de igualdade e reparação.

Ausência de Assistência 

De acordo com as informações do presidente da AMOPOABS, José Gomes de Souza “na época da construção da barragem, o governo não realizou o cadastro para pagar a dívida social as famílias que foram obrigadas a deixarem suas moradias e seu habitat. Essas pessoas não receberam até agora nenhuma forma de assistência. O resultado dessa pesquisa está documentado em centenas de páginas, e já levamos ao conhecimento do Ministério Publico Regional, obtendo apoio desse órgão de justiça.”, pontuou.

Direito à quitação de dívida social

Ainda segundo José Gomes, depois de muitos anos de empenho neste caso, conseguiu dar entrada em dois processos em órgãos da Presidência da República, entre os anos de 2012 e 2014. “Foi através dessa incansável luta junto a essas famílias que conseguimos o reconhecimento de que esse povo tem o direito a quitação dessa dívida social. E portanto, convocamos para o debate o poder público municipal e a população para participarem dessa reunião de extrema importância e interesse das famílias que precisam desse amparo social. Logo após esse debate, levaremos esses anseios populares e documentos para o Ministério Público Federal”, explicou.

Até hoje continuamos a sofrer com o abandono, desigualdade e o descaso que nos impuseram as instituições do Governo Federal. Nossa espera já dura 40 anos. Perdemos nossas terras, a fauna, a flora, e as riquezas do solo fértil às margens do nosso Rio São Francisco, que sempre garantiu nossa sobrevivência. E por isso continuamos lutando por justiça”, declarou emocionado, o presidente José Gomes.

A reunião que acontecerá nessa próxima segunda-feira(22), às 10:00 hs na Câmara Municipal de Sento Sé será aberta ao público e a imprensa.

 

Fonte: Diário da Região – Juazeiro BA

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.