Irecê |

Após denúncia de ameaça, gerente da Clim Engenharia se defende e solta o verbo: “Não pego na mão de moleque”

Luiz Otávio se defendeu de denúncias registradas na polícia pelo vereador Léo da Unibel. Entenda a polêmica.
Após denúncia de ameaça, gerente da Clim Engenharia se defende e solta o verbo: “Não pego na mão de moleque”

Após denúncia do vereador Leonardo da Silva (Léo da Unibel), de que teria sido ameaçado de morte, agredido verbalmente e fisicamente por diretores da Clim Engenharia; o gerente da empresa, Luiz Otávio Rocha, apresentou sua versão durante entrevista ao Jornal do Meio-Dia, da Líder FM, nesta quarta-feira (2).

Cara a cara com Léo da Unibel, que estava no estúdio da Líder, Luiz Otávio se defendeu: “Eu não estava em rádio nenhuma esperando ele, estava lá para tratar de assunto sobre a agenda de coleta de lixo pela empresa”, esclareceu Luiz Otávio. “Ele estendeu a mão para me cumprimentar e, em virtude de muitas coisas que ele vem falando, eu disse que não pegava na mão de moleque, e continuo afirmando o que disse”, bradou.

O gerente também disse que Léo da Unibel estaria se aproveitando da situação para ganhar méritos políticos. “Como é que você descaracteriza uma empresa que é genuinamente ireceense? Não adianta mentir para tentar chegar em seus objetivos. Você não pode atingir pessoas de bem desse jeito para, principalmente, crescer na política”, exclamou.

Ainda durante a entrevista, o gerente ficou indignado por ter sido taxado de capacho de político e afirmou que em breve, a verdade virá à tona. “Não tenho compromisso político com ninguém. E não sou capacho de político nenhum. Tenho 62 anos, gostaria que me respeitasse. Vou provar que hora nenhuma eu tentei invadir estúdio de rádio, porque não sou maluco e respeito as leis.  Se ele tem algum problema com o gestor,ele vai direto falar com o gestor”.

Ao final, Luiz Otávio ponderou: “Posso ter errado nas minhas colocações, e eu sou muito homem pra dizer: se eu errei, me desculpe. Agora tudo tem limite”, encerrou.

Confira mais sobre o assunto:

Irecê: Vereador se diz agredido e ameaçado de morte e registra boletim na polícia

Fonte: Irecê Repórter

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.