Advogada é esquecida dentro da máquina de ressonância em clínica particular de Salvador

A advogada já estava acostumada a fazer os exames quando percebeu que não foram tirá-la do equipamento, mesmo muito tempo após o final do procedimento
Advogada é esquecida dentro da máquina de ressonância em clínica particular de Salvador

advogada Laura Nogueira, de 48 anos, foi esquecida dentro de uma máquina de ressonância magnética, na clínica Delfin do bairro Itaigara, no último domingo (13). Segundo Laura, após a finalização do exame, ela ainda ficou cerca de 10 minutos esperando que alguém a retirasse do equipamento, mas isso não aconteceu, mesmo acionando a bombinha de segurança.

A advogada explicou que foi necessário gritar e balançar as pernas para chamar a atenção dos funcionários: "Terminou e ficou um silêncio na sala. Me desesperei. Apertei aquela bombinha de segurança e ela não tocou".

Dez minutos após o exame ter sido finalizado, os funcionários da clínica apareceram na sala. De acordo com Laura, eles estavam atordoados. 

A Redação do BNews tentou contato com a clínica, mas não obteve resposta até a publicação dessa matéria.

Fonte: BNEWS

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.