Ação une agentes públicos e alunos da rede municipal no combate ao “mala” do Aedes aegypti

Trabalho de educação é uma iniciativa do Comitê de Operações Emergenciais que será levada para os quatro cantos de Irecê. Se ligue na ideia! Faça a sua parte!
Ação une agentes públicos e alunos da rede municipal no combate ao “mala” do Aedes aegypti

 

Nesta sexta-feira (29), o Bairro Fundação Bradesco, um dos mais populosos de Irecê, foi “palco” de uma ação inspiradora: a equipe de combate à dengue do PSF local e os alunos e alunas da Escola São Pedro uniram forças num trabalho de conscientização para que a comunidade evite água parada e elimine os focos do Aedes aegypti. Animadas em cumprir o dever cívico, as crianças aprenderam como evitar o ciclo de reprodução do mosquito transmissor e também fizeram panfletagem em espaços públicos, casas e estabelecimentos comerciais. 

Que tal?! Bacana, né? Agora, chegou a sua vez de tomar providências!

Já limpou o quintal e a área de serviço? Verificou a garagem? Como todo mundo já sabe, é necessário manter os pratos de plantas com areia e guardar garrafas com a boca virada para baixo! Além disso, limpe as calhas dos canos, não jogue lixo em terrenos baldios e mantenha baldes, caixas d´água e reservatórios sempre tampados!

O trabalho de educação e conscientização social, que vai contemplar todos os bairros da cidade, faz parte das ações do Comitê de Operações Emergenciais, liderado pela Secretaria Municipal de Saúde. De forma complementar, o carro fumacê também percorre os quatro cantos de Irecê desde a última segunda-feira (25).

Ao longo do ano, foram notificados 653 casos de dengue e 92 de chikungunya no município. Para se ter uma ideia da gravidade da situação, apenas na última semana foram registrados 128 casos e aproximadamente 85% dos atendimentos na UPA apresentaram sintomas correlacionados às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.

Então, exerça a sua cidadania e ajude o poder público. Faça a sua parte: evite água parada!

Comentários

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Irecê Repórter, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.